terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

O que você deixou para trás quando cresceu?



O que você deixou para trás quando cresceu?
Essa é a minha foto do Desafio Imagem/Palavra do grupo Interative-se

A velha infância aquela que nos fez sonhar, pique esconde, pular corda, correr, gritar. Infância combina com poesia, com letra de música, com fantasia...

Lembro-me de que quando criança não queria crescer, ao contrário da maioria, apertava a cabeça entre as mãos tentando evitar o inevitável - crescer, vi isso num filme e nunca esqueci, nunca funcionou também (felizmente, porque crescer fazia parte).
O que você deixou para trás quando cresceu? Foi a pergunta que me fez pensar na velha infância, a pergunta estava na tela do meu computador numa rede social, não me lembro qual, mas a pergunta não foi esquecida.
Deixei lá no passado, a vontade de ser veterinária. Por que¿ bem por que não queria ver sangue. Ou foi por medo¿ hoje já não tenho certeza.
Deixei alguns amiguinhos, incrível como as “amizades” se perdem com a simples mudança de ano, de série na escola. O mais incrível ainda é que novos amigos sempre vêm.
Deixei os avós, as brincadeiras com os primos, as coleções de papel de carta e de figurinhas, deixei os livros da série vagalume (rs), e muitos mapas desenhados em papel vegetal, deixei a primeira comunhão na igreja, e deixei minhas tranças de cabelo. Também deixei o programa da Xuxa, He man, e caverna do dragão (que não me conformo não teve um final). Deixei os pirulitos, balas de goma, e chocolate em formato de bicho. Deixei as quedas da bicicleta, até aprender a andar sem rodinhas...

Deixamos muita coisa para trás quando crescemos, mas creio que duas coisas que deixamos e jamais deveríamos nos esquecer são a inocência e nossa capacidade de sonhar e acreditar na realização de qualquer sonho.

A lista é longa, por que deixei muita coisa para trás, mas foram todas vividas, com plenitude, tudo o que deixei, jamais me deixou. Vive em mim, cada memória daquilo que vivi. O que deixei, se eternizou, e hoje, tem morada na caixinha de memórias da minha vida.
O que você deixou para trás quando cresceu? Deixei uma (velha) infância feliz. Mas ela nunca me deixou!







4 comentários:

  1. Oie Patty, tudo bom? Achei o post fabuloso. Deixamos tanta coisa pra trás quando crescemos, infelizmente. Mas com certeza o principal é a inocência.

    Beijos,
    Paixão Literária 📚

    ResponderExcluir

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo